O Que São Anabolizantes? Seus Efeitos? Quais os Mais Usados?

Os anabolizantes, também conhecidos por esteróides anabólicos androgênicos, têm na sua composição testosterona e seus derivados.

Os esteroides anabolizantes são drogas criadas para atuar como a testosterona. Em alguns casos, podem ser usados como medicamento em tratamento para repor a testosterona em pacientes que não possuem quantidades adequadas desse hormônio no corpo. São encontrados na forma de comprimidos, cápsulas ou injeção intramuscular.

Veja abaixo um interessante e polêmico bate papo de Kleber Bambam e Ander sobre anabolizantes:

Efeitos colaterais dos anabolizantes

Agora que você já sabe o que são anabolizantes é hora de você saber os riscos de usar essas substâncias sem acompanhamento médico.

E apesar de ser muito usado por praticantes de musculação ou fisioculturismo para o aumento da força física e da massa muscular, os anabolizantes pode trazer diversos riscos para a saúde como por exemplo:

  • o que são anabolizantesRetenção de liquido;
  • Esterilidade;
  • Aumento das chances de câncer de próstata;
  • Aumento das chances de doença coronariana;
  • Mudanças de humor;
  • Aparecimento de doenças psicológicas como depressão;

Em mulheres o uso errado de anabolizantes pode acarretar em engrossamento da voz, redução dos seios e até mesmo o crescimento excessivo de pelos no corpo.

Além disso, a utilização de anabolizantes sem a correta indicação médica pode provocar o surgimento de tumores no fígado, alteração nos níveis de colesterol, hipertensão, ataque cardíaco, acne, alterações de comportamento, entre outros.

Efeitos positivos do uso dos anabolizantes

Não é só malefícios que os anabolizantes trazem. Se usados corretamente e com acompanhamento de um profissional os anabolizantes podem ser muito úteis no processo de ganho de massa muscular magra.

Eles promovem a multiplicação de células musculares e dos ossos. Eles ajudam os músculos crescerem rapidamente e aumentam sua força. E por isso que são consumidos por boa parte dos atletas.

Anabolizantes mais usados

o que são anabolizantesO acesso a vários tipos de anabolizantes não é difícil, porem seu uso só ira funcionar para você se você tem uma dieta balanceada junto com a prática de exercícios como musculação e HIIT.

E é muito importante ter um acompanhamento com um profissional da saúde porquê só ele que saberá o melhor anabolizante para você.

Veja abaixo os anabolizantes mais usados:

Durateston

Usado em ciclos com outras drogas, Durateston é um anabolizante com alto potencial androgênico que pode causar efeitos colaterais a curto e longo prazo. Por serem 4 ésteres de testosterona, fica muito difícil controlar os efeitos colaterais e os efeitos indesejáveis.

Calvície precoce, hipogonadismo e ginecomastia são os principais efeitos colaterais do Durateston.

Caso você não saiba, hipogonadismo é quando as bolas param de produzir testosterona naturalmente e ginecomastia é quando o corpo passa a converter mais testosterona em estrógeno, que acaba gerando “tetinhas de cadela” em homens.

Clique aqui para saber todos os detalhes do Durateston!

Anavar

Também conhecido como Oxandrolona, o anavar é um anabolizante muito usado por fisiculturistas e bodybuilder.

Ele foi criado para tratar pacientes portadores do vírus da AIDS, pessoas que sofrem de desnutrição ou deficiência na produção natural de hormônios. Contudo, esta droga é facilmente encontrada em mercados negros que visam comercializá-las para um público que tem o intuito de aumentar a massa muscular magra, que é um dos principais benefícios deste medicamento.

Ele ajuda no aumento da massa magra, aumenta a resistência e ajuda a secar as gorduras localizadas do corpo.

Anabol

O Anabol é mais um dos anabolizantes mais usados, em doses adequadas, o uso de Anabol causa potenciais ganhos de força e volume muscular em pouquíssimo tempo de uso, causando retenção hídrica.

Ao contrário de outros anabolizantes os quais se converte em hormônios no organismo, o Anabol aumenta a síntese proteica e diminui consideravelmente também a degradação proteica, e é isso que diminui, evita ou elimina a presença de efeitos colaterais no indivíduo.

Artigos Relacionados: